Morre Gabriela Leite – liderança do movimento de prostitutas no Brasil

É com imenso pesar que comunico o falecimento de Gabriela Leite – criadora da grife DASPU e integrante da ONG DAVIDA.

A líder do movimento de prostitutas no Brasil morreu, aos 62 anos, às 19h do dia 10 de outubro, na cidade do Rio de Janeiro, em decorrência de uma luta que vinha travando contra o câncer. Gabriela foi prostituta na Boca do Lixo (em São Paulo), na zona boêmia (em Belo Horizonte) e na antiga Vila Mimosa (no Rio de Janeiro). Em 92, fundou a ONG Davida. Em 2005, Gabriela criou a grife Daspu, em ironia à Daslu, que foi a maior de artigos de luxo do país. Em 2010, foi candidata à deputada federal pelo PV.

Por meio de seu engajamento político iniciado numa passeata contra a violência realizada em 1979 na Boca do Lixo e, posteriormente, com a organização do I Encontro Nacional de Prostitutas – realizado em 1987 no Rio de Janeiro/RJ – foi se consolidando a Rede Brasileira de Prostitutas e a consequente organização de prostitutas na busca por direitos.

Tendo lutado sua vida inteira pela regulamentação da profissão de prostituta, seu falecimento se deu justamente no dia em que o deputado Jean Wyllys apresentou no Congresso o projeto Gabriela Leite, que regulamenta a atividade dos profissionais do sexo.

Eu e Gabriela - durante evento em sua homenagem realizada no Cine Pagu - jun/2013

Eu e Gabriela – durante evento em sua homenagem realizada no Cine Pagu – jun/2013

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: