Mulheres lutam pelo reconhecimento do trabalho sexual em Querétaro – México

Em Querétaro – México – trabalhadoras sexuais estão encabeçando um movimento nacional para que seu trabalho seja reconhecido em sindicato formal. Mónica Mendoza – líder da organização Mujer Libertad – comunicou que já fora encaminhada proposta formal à federação e que aguarda o apoio do presidente Enrique Peña Nieto (EPN). Ela esclarece: “La propuesta es como trabajadoras no asalariadas, así como es reconocido el trabajo doméstico, creo que también el trabajo sexual debe ser reconocido para minimizar la trata de personas. La consigna ahorita es llegar a EPN para que se legisle a favor del trabajo sexual”.

trabajadoras queretanas - México

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: